Evolução da paisagem cultural do salgado de Aveiro

uma metodologia de análise quantitativa

Book Cover: Evolução da paisagem cultural do salgado de Aveiro
Editions:Paperback
Size: 210.00x297.00 mm
Pages: 181
PDF
Size: 210.00x297.00 mm
Pages: 181

Dissertação de Mestrado em Arquitetura Paisagista por Sónia Patrícia Jesus Cunha. Orientador: António da Silva Pinto de Nazaré Pereira, Coorientador: Domingos Manuel Mendes Lopes. Vila Real 2011. Edição impressa e em Cd-Rom.

Resumo: O sal é o ex-líbris da cidade de Aveiro e o Salgado aveirense uma Paisagem Cultural local e regional. Apesar de se verificar uma grande consciencialização social para a importância desta paisagem na identidade da Cidade, o sistema lagunar da Ria de Aveiro que suporta esse salgado sofreu, nas últimas décadas, profundas mudanças sociais e económicas, com reflexo no meio ambiente, que colocam em risco a sua manutenção. Recorrendo à fotointerpretação e a software específico, em conjugação com análise de cartografia antiga e cadastro das salinas, elaboram-se mapas/cartas do Salgado aveirense desde 1958 até à atualidade, para análise do uso do solo e do seu mosaico paisagístico. O Salgado e a sua evolução foram quantificados utilizando métricas da paisagem. A análise da mudança do padrão espacial revela a degradação do carácter do lugar (o “genius loci”), símbolo da identidade local e regional, devido ao progressivo abandono das práticas ancestrais de extracção do sal. Apresentam-se cenários que permitem estimar o efeito de medidas de ordenamento do território na paisagem do Salgado aveirense. Com a análise de um caso de estudo, do Campus Universitário de Santiago da Universidade de Aveiro, pretende-se saber se a sua organização espacial se relaciona com as salinas, elemento definidor da identidade local. Tal facto poderá salientar a importância do carácter do lugar no ato de projetar e evidenciar o papel do planeamento na perpetuação da memória coletiva. A metodologia utilizada constitui-se como exemplo de processo a aplicar no estudo de Paisagens Culturais, em que a mudança dos componentes físicos da paisagem corresponde a alterações na sua função, história e significado social.

Published: 2011/12/01
Publisher: UTAD
Tags:

Abstract: Salt is the ex-libris of the town of Aveiro and the Salgado Aveirense is a cultural, local and regional landscape. There is a great social awareness of the importance of landscape in the identity of the town, however the lagoon system of the Ria de Aveiro, which supports this Salgado, is under profound social and economic changes lately, whith reflexes on the environment and risks maintenance. Using photo-interpretation and specific software, together with the analysis of old maps and salt marsh records, changing maps/charts of the Salgado Aveirense were elaborated for the analysis of the use of the soil and its mosaic landscape, from 1958 till the present day. The Salgado and its evolution were quantified using landscape metrics. The analysis of the change in the spatial pattern indicates changes in the character of the place ("genius loci"), a symbol of local and regional identity, due to the progressive abandonment of ancient practices of salt extraction. Scenarios which allow estimating the effect of the measures of land use in the Salgado Aveirense landscape are presented. The case study on the university Santiago Campus at the University of Aveiro is intended to find out if the salt marshes have influenced its spatial organization. This methodology can be used as an example of a procedure which can be applied in similar studies of Cultural Landscapes, mainly when these landscapes have been changing its physical components, its function, history and social significance.